Monday, February 02, 2015

A NOVA CIVILIZAÇAO DA EMPATIA GLOBAL, O NOVO CAPITALISMO DO COMPARTILHAMENTO, E O PROJETO DO DESPERTAR DA CONSCIENCIA PARA UMA SUSTENTABILIDADE PLANETARIA.


Usando como exemplo as citações de Albert Einstein, que no seu tempo disse que os grandes projetos que podem beneficiar toda humanidade eles emergem sempre no meio das grandes crises que passa a o mundo, ele estava certo, porque a humanidade vive hoje as Crises Econômicas, Sociais, Fiscais e Ambientais, juntando agora a Violência Urbana e  as Intolerâncias Raciais, Provocações Religiosas e Intolerâncias  Imigratórias, que tem produzido vitimas em todas as parte do mundo, onde os governantes não conseguem resolver, porque na sua maioria eles tentam buscar soluções para a Crise Econômica e o desemprego que já afeta mais de 2 bilhões de pessoas em todo mundo. 
AS ENORMES DIFICULDADES DO MUNDO HOJE. 
Lamentavelmente o mundo iniciou o ano de 2015 com a  tragédia e o sangrento ataque a revista Satírica Charlie Hebdo, segundo especialistas foi o maior atentado a Liberdade de Expressão já praticado no País que tem nos seus Ideais a Liberdade, Igualdade e Fraternidade, mais uma vez o mundo se uniu pela Dor.
Depois da enorme tragédia do atentado em Paris, Sociólogos, Escritores,  Antropólogos, Cientistas Sociais, Colunistas dos Jornais, Televisões todos colocaram suas opiniões a respeito da tragédia.
O Primeiro Ministro da França Manuel Valls disse que existe um  “Apartheid ” no seu Pais, e conclama a todos os Franceses a ajudarem no combate ao ódio, ao racismo e ao anti-semitismo, principalmente  no que diz respeito a busca de soluções principalmente para os Jovens Muçulmanos que nasceram na França e na sua maioria não tem acesso ao emprego, escolas, universidades, vivem uma exclusão social, razão pela qual muitos deles são recrutados por organizações terroristas, como aconteceu com  Cherif e Said Kouachi e Amedy Coulibaly.
Apesar de toda tragédia os Jornalistas, Chargistas, Caricaturistas do Charlie Hebdo, insistem em manter  depois da tragédia, o tom critico de provocação as religiões, como já fizeram com os Profetas Jesus Cristo, Maomé, e os Papas Bento XVI, e o Papa Francisco recentemente. O que eles poderiam ajudar em muito a reduzir o ódio religioso, era seguirem  os conselhos do Profeta da Comunicação que viveu no século XX, Marchall MacLuhann, que seguirem seus conselhos e também toda Imprensa Mundial, Governantes,  Redes Sociais que “ O Meio é a Mensagem”,  mandamento do Profeta da Comunicação, que  seria  a primeira forma de lutarmos por um mundo melhor para todos os 7 bilhões de seres humanos, que já estão cansados de Violência Urbana, Guerras Sem Fim, Degradação Ambiental,  Atentados Terroristas muitos deles em tempo real, que ceifam milhões de vidas em todo mundo.
A CRISE HIDRICA NO BRASIL.
No Brasil especialistas analisam como a maior crise hídrica   de todos os tempos, que se  abate no Pais, falta água para os  humanos e para a geração de energia elétrica,  tem tudo  a ver com a degradação e devastação da Floresta Amazônica, que retira anualmente cerca de 30% do Carbono produzido pelo mundo, porem ela também está sendo degradada, temos a  Mata Atlântica  o Cerrado no Planalto Central e o Pantanal, onde seus rios estão sendo licenciados  para construção de Hidroelétricas,  onde  a retirada das arvores milenares, inibe a ação dos rios voadores que formam as nuvens e as chuvas e transportam mais de 20 bilhões de toneladas de agua pelas nuvens para a região sul e sudeste do Pais, nossos governantes preferem o desmatamento em lugar dos ventos e da energia solar  onde o astro maior o Sol fornece luz 360 dias por ano em nosso Pais.
Hoje os governos estão inertes diante da crise que agora atinge todos os rios, reduzindo a oferta de água para o consumo humano e energia, podemos estar diante de um apagao hídrico para a vida e a economia, onde os economistas já contabilizam os bilhões  em prejuízos para todos os segmentos nas cidades onde a escassez afeta os Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, com aproximadamente 60 milhões de pessoas  e no campo a escassez do liquido já dificulta a produção de alimentos, principalmente os necessários a cadeia alimentar, estão tirando água para o consumo humano da zona morta do leito dos rios e lagos. 
O APAGAO DO PLANETA TERRA. 
Indiferente aos céticos do clima, o Planeta Terra está cada vez mais quente, onde a Organização Metereologica Mundial mostrou que o ano de 2014 foi o ano mais quente da historia da humanidade,  numa grande entrevista em vários jornais do Mundo o Cosmologo Inglês Sir Martin Rees, Presidente da Royal Society de Londres de 2005 a 2010, e Professor  da Universidade de Cambridge no Reino Unido cita que para 2015 a previsão é de desastres devastadores até o fim deste século e que isso ira produzir milhões de excluídos do clima, que se juntarão aos 200 milhões já existentes,  principalmente pela falta de ações praticas dos governantes que abandonaram a agenda  Climática, em busca do crescimento econômico e a redução do desemprego a nível mundial. 
O renomado Cosmologo lembra que  o mundo também não ouviu os grandes Especialistas do Clima como James Lovelock,  que apesar dos seus 95 anos, continua sua luta pela saúde do Planeta, diz que Gaia  está doente e que algo de grandioso precisa ser feito em favor em favor de sua saúde e uma  sustentabilidade  planetária. 
Outro grande avatar e Pai da luta contra as Mudanças Climáticas Sir Nicholas Stern pediu em 2006 que os governantes aplicassem  1% do PIB Global em favor das Mudanças Climáticas que economizariam 25% nas tragédias, porem isso não foi feito e as tragédias naturais seguem seu caminho, ceifando milhões de vidas e bilhões em prejuízos  pelas Ações do Aquecimento Global e das Mudanças Climáticas. 
O Pai da luta contra o Aquecimento Global, Al Gore, pede aos governantes  que não fiquem parados pela inação de políticas que ajudem na mitigação de ações contra o Aquecimento Global, o  Degelo nos Pólos Norte e Sul, poucos agem, e agora chamados de Eventos Extremos seguem seu caminho por falta de vontade política.
Na grande entrevista de Sir Martin Rees, o mais aterrador é com relação as emissões  do CO2,  que aumentam  neste ano 34 bilhões de gigatoneladas,   pelo uso dos combustíveis fosseis,  provocando a poluição atmosférica em todo mundo, com inundações, estiagem e perda de bilhões de toneladas de alimentos,  porem a  pior noticia é com relação as emissões  que se aumentarem em 1,2 graus elas poderão inibir a formação  de nuvens e do vapor de água  na atmosfera,   o que afetaria de imediato  a vida dos 7  bilhões de seres humanos na Terra e toda Biodiversidade como Animais, Rios e Florestas. 
Na historia da humanidade sabemos que a Civilização dos Maias  também desapareceram da face da Terra, porque no seu tempo esgotaram seus recursos naturais como as florestas e os rios e a biodiversidade, elementos esses  que lhes garantiam água e alimentos  para a vida. 
Hoje lamentavelmente em pleno Século XXI, com toda tecnologia a nossa disposição para uma preservação, não somos capazes de fazer isso,   já utilizamos 125% dos recursos naturais, e a Natureza leva 100 anos para recuperar 1%  das Florestas, com isso  estaríamos nós também fadados ao desaparecimento pela ganância do consumismo desenfreado em todo Planeta Terra. 
AS SOLUÇOES E AÇOES PRATICAS  PARA PERMANECERMOS NO EARTH PLANET.
Se Albert Einstein falou que os grandes projetos emergem junto com as grandes crises mundiais, citamos o Grande Economista Americano,  Jeremy Rifkin, Guru dos Executivos das Grandes Corporações, Governantes especialmente da Primeira Ministra da Alemanha Ângela Merkel, ele explica no seu Livro mais recente que estamos vivendo a Era das Oportunidades de um novo sistema Econômico, o Capitalismo Colaborativo e a Internet das Coisas.
Cita o renomado Economista que o Capitalismo está dando a luz uma espécie de filho, que será chamado de filho  da economia do compartilhamento e dos bens comuns colaborativos. Ela é o primeiro sistema econômico a emergir do capitalismo desde o socialismo no século XX. No seu livro ele concebe essa nova sociedade como uma “ Civilização Empática Global”, ele cita uma nova forma de pensar e agir por parte destas gerações que estão começando a produzir e a compartilhar seus conhecimentos.
A geração da nova civilização da Empatia Global são os grandes protagonistas da grande mudança que o mundo precisa, eles já utilizam  o sistema de cooperação em lugar da competição, eles querem o acesso em lugar da posse, isso faz com que eles se vejam como parte de uma grande família humana principalmente com relação a preservação dos recursos naturais do Planeta Terra, citando a educação onde bilhões de crianças e jovens tenham acesso  a internet, a cidadania, criando com isso uma nova forma de pensar e agir.
“A UNIFICAÇÃO DO PROJETO DO DESPERTAR DA CONSCIENCIA COM A NOVA CIVILIZAÇAO EMPATICA GLOBAL. “
Seguindo o pensamento de Albert Einstein de que a Imaginação é mais importante que o conhecimento, porque ela não tem limites, e será pelo projeto do Ecologista Jose Pedro naisser, e pelo seu Projeto o Despertar da Consciência, que junto com o Projeto da Nova Civilização Empática Global, que iremos  colocar em pratica para que possamos ter em todo mundo as cidades que hoje são o ultimo refugio das civilizações, tornaremos elas mais Educadas, Humanas, Habitáveis, Inovadoras e Sustentáveis, cujos objetivos para ações práticas e imediatas estão nos links abaixo.
Mas para que todas as ações sejam colocadas em práticas em beneficio do Planeta Terra e os 7 bilhões de Seres Humanos, teremos que contar com a ajuda das pessoas que estão na nossa Rede Social Oficial que é o www.twitter.com , e completaremos a grande Equipe com dois importantes Diretores de Cinema, onde será pela sétima arte que chegaremos aos bilhões de mentes e corações para nos ajudarem na grande causa.
Inicialmente citamos o grande Diretor Francis Ford Coppola, o laureado Diretor do filme O poderoso Chefão,  que um dia estivemos juntos aqui em Curitiba, e soubemos que o seu maior sonho para um grande filme, seria a respeito da Água para  a Vida,  Seu Valor, Sua Importância para o Ser Humano principalmente com respeito a escassez e o desperdício nas megacidades, o Diretor Coppola será decisivo para o grande documentário a respeito da água onde teremos o compromisso da preservação dos rios e o respeito pelos mares no que diz respeito a evitarmos a poluição que hoje leva a morte milhões de peixes, tartarugas marinhas e toda biodiversidade.
 Por fim contaremos com a presença que junto com Coppola será decisivo para termos a continuidade da Vida no Planeta Terra, e isso poderá ser feito pela ação direta de James Cameron, que cita em seu email pessoal que em favor do meio ambiente, devemos elevar nossas vozes e levantarmos nossas cabeças porque dele depende a continuidade da vida na Espaço Nave Terra, e disse que poderemos trabalhar juntos, pois o momento é o agora.


Message receive to James Cameron.
Dear Mr. Naisser,

Thank you for the kind words about me in your article below. I have accepted the challenge to try to raise consciousness around the world about this great crisis which is upon us. Most people are not listening, but we must raise our voices. I am still trying to decide the best ways for me to be effective in this fight (aside from making more Avatar movies, which I am now starting to do).
Perhaps we will find a way to work together. 
Jim Cameron.
Para que possamos colocar em pratica nosso projeto O Despertar da Consciência será pela edição de bilhões de livros em todo mundo no que diz respeito a Educarmos os 7 Bilhões de Seres Humanos para a Paz, Saúde, Esportes, Tecnologia e Sustentabilidade, cujo livro será o roteiro para o grande documentário para os grandes Diretores James Cameron e Francis Ford Coppola,  onde se juntarão a nossa causa, Ecologistas, Biólogos, Arquitetos, Urbanistas, Economistas, Cientistas Sociais, Professores, Escolas, Universidades, Governantes, Cientistas, Glaciologistas, Metereologistas, Hidrologistas, Artistas, Imprensa, Televisões, Corporações, todos já comprometidos com a Nova Civilização da Empatia Global.
Está em nossas mãos a grande mudança, não poderemos mais ser espectadores e sim protagonistas da grande mudança que o mundo precisa.
Encerro esta mensagem com dois pensamentos que são decisivos para nossa longa jornada.
“Não deixe que nenhuma gota de água chegue aos oceanos, sem que ela tenha sido útil a natureza e a vida.”
Um Beduíno não vencerá a imensidão dos desertos  se partir só, se seguirmos em caravanas chegaremos sãos e salvos ao nosso destino para cumprirmos os desejos e desígnios do Criador.
Registre na nossa Rede Oficial do Twitter,  sua presença virtual, e sua contribuição, em favor da Natureza e da Vida no Earth Planet. https://twitter.com/following 

JOSE PEDRO NAISSER.
CURITIBA. PR BRASIL.
ECOLOGISTA. JPNAISSER@HOTMAIL.COM  

LINKS DO GRANDE PROJETO.

CARTA AOS GOVERNANTES
A MORTE DOS RIOS BRASILEIROS.
http://glo.bo/1ykevCw 

OS DESAFIOS PARA TODA HUMANIDADE EM 2015.

TEORIA DA REGENERAÇÃO DO EARTH PLANET

PROPOSTA AS EDITORAS BRASILEIRAS.

CAPITAL INTELECTUAL E INOVAÇAO. 
OS SERVIÇOS AMBIENTAIS
http://bit.ly/1sfP10p

A CRISE DA AGUA NO MUNDO.
http://glo.bo/1ER3Zoz
O DESCASO COM O LIXO  AS INUNDAÇOES EM SAO PAULO.
CONTRIBUIÇÃO COM REPORTAGENS DA REDE GLOBO.

A FALTA DAS MATAS CILIARES.
PROOSTA AOS PREFEITOS.
DESCASO COM O LIXO EM SÃO PAULO.
//fb.me/1t7jEEDtm  

DESCARTE DO LIXO NOS RIOS.
LIXO NAS CAPITAIS BRASILEIRAS.


No comments: